+351 289 393 666 info

Ocupação hoteleira no Algarve supera expectativas

A ocupação hoteleira no Algarve subiu em Maio relativamente ao ano passado. A taxa de ocupação foi de 64,6%, mais 4,4% que em 2014. O volume de negócios também aumentou, neste caso, 5,3%.

Terça, 23 Junho 2015 - Algarve

A ocupação hoteleira no Algarve subiu em Maio relativamente ao ano passado. A taxa de ocupação foi de 64,6%, mais 4,4% que em 2014. O volume de negócios também aumentou, neste caso, 5,3%.

Segundo dados divulgados hoje pela Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), os mercados alemão – que subiu 1,9 pontos percentuais (pp) – e o britânico – que aumentou 0,9 pontos percentuais – foram os que mais contribuíram para esta subida.

As zonas de Monte Gordo / VRSA (+14,3pp) e Carvoeiro / Armação de Pera (+14,2pp) foram as que apresentaram as maiores subidas.

Albufeira, a principal zona turística do Algarve, registou a mesma ocupação homóloga. Por seu lado, a zona de Vilamoura / Quarteira / Quinta do Lago foi a que registou a taxa de ocupação/quarto mais elevada (71,8%). A mais baixa ocorreu em Tavira (53,4%).

Por categorias, os hotéis e aparthotéis de 3* (+11,4pp) e os aldeamentos e apartamentos de 5 e 4* (+2,6pp) foram os que apresentaram as maiores subidas.

Os aldeamentos e apartamentos de 3* registaram a ocupação mais baixa (52,3%), enquanto os hotéis e aparthotéis de 3* registaram a mais alta (72,4%).

 

Fonte: Sul Informação